O Projeto “StEp Motion - Registro de Arte Urbana pelo Mundo”, teve início em 2014, quando a artista percorreu, a pé, as ruas de sua cidade, Curitiba (Brasil), captando imagens com o seu celular, de artes urbanas, imagens pictóricas e arquitetura. Após seleção de imagens, a artista deu a elas movimento através da técnica do stop motion, resultando no vídeo ‘StEp Motion - Impressões Visuais de um Caminho I’ (Vídeo  abaixo). Este trabalho foi selecionado para integrar o FICBIC (Festival de Cinema da Bienal Internacional de Curitiba - Circuito Universitário) e o Cinema Em Perspectiva - Importante Seminário de Cinema Do Brasil.

Foram tiradas mais de 3.000 fotos, das quais 713 compõem o vídeo, todas elas sem nenhuma edição, recorte ou repetição.

Com uma poética visual, sonora e contemporânea, o vídeo é um convite à um passeio pelas belas ruas da cidade, repleto de cores, formas, movimentos, texturas e livres expressões artísticas.

A Arte urbana / Street Art é uma linguagem contemporânea e democrática, que muitas vezes passam desapercebidos aos olhos distraídos. Dar visibilidade e movimento à esta arte e à seus devidos artistas é um dos propósitos do projeto.

É também uma arte efêmera, e que tem uma função de palimpsesto, trazendo novas camadas de significação ao espaço urbano. A street art e seus signos trazem consigo representações peculiares de uma determinada região, época e contexto histórico. Por isso o seu registro e análise se fazem muito importantes.

 

Desde então, a artista desenvolve sistemática pesquisa acerca dos temas relacionados, a exemplo da fotografia, do vídeo, da arte urbana, da produção de imagens, dos signos visuais produzidos nos centros urbanos e os conceitos de apropriação e ressignificação no âmbito das artes visuais. Esses conceitos dão-se tanto por parte dos artistas urbanos, que se apropriam do espaço público e o ressignificam, quanto por parte da artista, através das linguagens fotográfica e videográfica.

StEp Motion - Impressões Visuais de  um Caminho I - Curitiba, 2014)

Fotografias que compõem o primeiro vídeo, de 2014. Clique duas vezes em uma foto para ampliá-la.

StEp Motion-Impressões Visuais de um Caminho II

 Buenos Aires (AR) e Santiago (CL) - 2017

No início do ano de 2017, a artista viajou para Santiago (Chile) e Buenos Aires (Argentina), com o propósito de registrar, através da fotografia, além das artes urbanas, também texturas, formas, movimentos visuais e detalhes pictóricos que pudessem contribuir para a sua produção poética.

Nos 22 dias de caminhadas pelas ruas dessas cidades, a artista tirou cerca de 18.000 fotografias. O resultado artístico foi o vídeo ‘StEp Motion - Impressões Visuais de um Caminho II’. (teaser abaixo)

Este segundo vídeo permanece privado, porém é possível solicitar o link e a senha de acesso, enviando-nos um e-mail.

Este vídeo teve a sua estréia na Bienal Internacional de Curitiba - Circuito de Galerias, e integrou a Exposição Coletiva Airez Metanóia 2017. 

Atualmente a artista se prepara para levar o seu projeto para a Europa, onde irá fotografar as artes urbanas, imagens pictóricas e arquitetura de inúmeros países europeus. O resultado será a produção poética do vídeo-arte "StEp Motion - Impressões Visuais de um Caminho III".

Video Impressões Visuais de um Caminho II, composto por mais de 100 fotografias de Santiago (CL) e Buenos Aires (AR)

><
1/13

Fotografias que compõem o segundo vídeo, de 2017. Clique duas vezes em uma foto para ampliá-la.

Você pode conferir mais fotografias tiradas pela artista  no instagram do projeto.

  • YouTube Social  Icon
  • Facebook Social Icon
  • Flickr Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • Vimeo Social Icon
  • Google+ Social Icon

©2020 site criado por Soluart / todos os direitos reservados / marca registrada / conheça nossas redes sociais no menu ao lado  /bem vindos!